quinta-feira, 18 de abril de 2013

Não fico muito perto de homens porque a carne é fraca, diz deputado ex-homossexual


Ele defendeu a posição teológica de Marco Feliciano sobre a maldição da África e criticou o seu próprio partido.


Não fico muito perto de homens porque a carne é fraca, diz deputado ex-homossexualNão fico muito perto de homens porque a carne é fraca, diz deputado
O pastor Sargento Isidório atua como deputado estadual na Bahia pelo PSB e chamou atenção da imprensa local por se assumir como ex-homossexual e por defender a afirmação do deputado Marco Feliciano (PSC-SP) sobre a maldição de Noé sobre seu filho e neto que teriam formado o continente africano.
“A viadagem da África, quando viu dois cabras bons, bonitos, musculosos, saiu atrás. (…) [Por isso], o Pastor Marco Feliciano falava que por causa do pecado lá naquela região onde a pele é mais negra aconteceu a maldição”, disse ele para a reportagem do Bahia Notícias.
Isidório conta que além de ter se envolvido com o homossexualismo, também foi bandido e usuário de drogas, mas hoje é responsável pelos trabalhos da Fundação Doutor Jesus, um centro de reabilitação para dependentes químicos que fica na cidade de Candeias.
Sobre seu passado homossexual, o deputado revela que evita ficar muito perto de homens para não se sentir atraído. “O pastor é humano. Claro que eu tenho medo de recaída. Eu não posso ficar junto de um homem muito tempo porque a carne é fraca”.
Seu partido emitiu uma nota de repúdio ao deputado Feliciano, mas ele não aceita a opinião e diz que se “partido político fosse bom ele seria inteiro” dizendo também que a nota partiu “dos viados e viadas” que fazem parte do PSB.

Nenhum comentário:

Postar um comentário