terça-feira, 2 de julho de 2013

Ministérios cristãos evangelizam em clubes de strip e convenções de pornografia


O JC’s Girls é um ministério cristão do sul da Califórnia tem como foco evangelizar trabalhadores em clubes de strip e convenções pornôs. Este grupo está entre os vários ministérios que trabalham na tentativa de compartilhar o amor de Deus com profissionais das indústrias da pornografia e prostituição.

De acordo com um grupo de mulheres da Rock Church, em San Diego, os trabalhos do JC’s Girls, estão mostrando resultados positivos. De acordo com Sheri Brown, um dos coordenadores da JC’s Girls de San Diego, o campo de missão de seus voluntários treinados inclui ir a todos os clubes de strip da cidade, além de convenções pornográficas em Los Angeles.
- Apenas fazemos o que o Espírito Santo nos chama a fazer e permitimos que Ele faça o resto – afirmou Brown, segundo o The Christian Post.
- Houve vezes que Deus nos mostrou fruto de dois a quatro anos após evangelização, que totalmente nos abençoa. Mas todo o ministério não é para nós, é para Ele. Sabemos que Deus está sempre trabalhando nos bastidores e eu realmente acredito que Ele só nos permite ver uma pequena fração do que ele está realmente fazendo – completou.
Brown explica que os voluntários do grupo vão para qualquer outro que Deus os chama para ir, com a missão de “alcançar em amor”, à medida que eles formam conexões com as mulheres que estão desesperadamente à procura de amor e satisfação em suas vidas.
Formado por seis equipes ministeriais, incluindo uma equipe de evangelismo, o ministério JC’s Girls realiza um trabalho de construção de relacionamentos com essas mulheres, para levar a elas a mensagem do evangelho. Uma das maneiras usadas pelo grupo para se aproximar dessas mulheres é presenteando-as com uma cesta recheada com Bíblias, jóias, cremes, doces, esmaltes, gloss, e cópias da “Carta de Amor do Pai”.
- Quando as mulheres expressam um interesse em ingressar na equipe de evangelismo, temos alguns requisitos que devem ser atendidos antes mesmo de serem entrevistadas. Elas devem se comprometer a participar de estudos bíblicos – e ter participado de forma consistente por pelo menos quatro meses – o seu amor por Jesus deve ser evidente, os seus motivos para querer fazer evangelismo devem ser puros, e seus corações precisam estar no lugar certo – afirmou Brown, que disse ainda aconselhar que as mulheres que já trabalharam em clubes de strip ou aquelas que estão lutando com o vício em pornografia não se juntem à equipe de evangelismo do JC’s Girls.
- Quando começamos o ministério, eu pensei que qualquer mulher que saiu da indústria seria perfeita para a equipe de evangelismo, mas isso não foi verdade. Nós na verdade perdemos as mulheres para a indústria novamente antes porque não tínhamos diretrizes no local. A tentação para as mulheres de voltar para os clubes pode ser muito forte, então nós realmente tentamos nosso melhor para usar discernimento e sabedoria, e nós oramos cuidadosamente sobre cada decisão – explicou.
Outro ministério focado em alcançar a mulheres que trabalham na indústria do sexo, inclusive bordéis, clubes de strip-tease e prostituição de rua, é o XXXCHURCH. De acordo com o pastor Craig Gross, cofundador do grupo, o objetivo do ministério é ir “onde a maioria dos religiosos têm medo de ir”.
Por Dan Martins, para o Gospel+

Nenhum comentário:

Postar um comentário